Header Ads

Últimas Notícias
recent

DINHEIRO DA PANDEMIA Covidão atinge R$ 1,32 bilhão envolvendo 9 Estados e escândalos começaram na PB


Uma reportagem da BBC News indica que os escândalos que compreendem o chamado Covidão começaram na Paraíba. Trata-se do caso envolvendo a compra de livros sem licitação na cidade de Aroeiras. A irregularidade foi flagrada, no início da quarentena, pela Operação Alquimia. O Covidão “atinge governos de nove Estados e valor investigado chega a R$ 1,32 bilhão”.

Diz a reportagem: “A primeira apuração de irregularidades envolvendo a resposta ao novo coronavírus aconteceu no município de Aroeiras (PB), parte da região metropolitana de Campina Grande, em 23 de abril… Batizada de Alquimia, a operação cumpriu três mandados de busca e apreensão em Aroeiras e em Patos (PB), e apurou um prejuízo de R$ 48,3 mil na impressão de cartilhas com orientações de saúde à população.”

Diz ainda: “Desde o dia 23 de abril, foram pelo menos 42 operações — uma a cada 2,8 dias, em média. Em agosto, foram deflagradas quatro operações deste tipo no país, até agora. As ações já atingem governos de nove unidades da federação: Amapá, Amazonas, Distrito Federal, Pará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima e Santa Catarina.”

Dispensa de licitação – segundo o advogado e ex-ministro da CGU, Jorge Hage, as principais modificações introduzidas pelas MPs foram a dispensa de licitação para bens e serviços necessários ao enfrentamento à pandemia; a permissão para contratar empresas declaradas inidôneas (e que normalmente são proibidas de negociar com o governo); e a permissão de comprar por preço superior ao estimado, entre outras.

Blog Panorama Notícias




Tecnologia do Blogger.