Header Ads

Últimas Notícias
recent

Galdino diz que Wallber é jurado de morte e por isso poderá abrir exceção sobre arma na ALPB


A proibição de posse de arma de fogo dentro da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) poderá não se estender ao deputado estadual Wallber Virgolino (Patriota). De acordo com o presidente da ALPB, Adriano Galdino (PSB), a situação de Wallber poderá forçar a presidência da Casa a abrir uma exceção porque ele é delegado de Polícia Civil e jurado de morte.

Adriano Galdino afirma que, segundo a Polícia Federal, duas facções criminosas nacionais querem matar Wallber Virgolino, que já foi chefe dos sistemas penitenciários do Rio Grande do Norte e da Paraíba. “Se essa turma sabe que ele está desarmado, ele vira alvo fácil. Então, nós precisamos dialogar para ver essa situação específica”, justificou o presidente da ALPB.

Adriano Galdino explicou ainda que quando essa parte específica do regimento foi implantada, não havia nenhum deputado policial ou jurado de morte cumprindo mandato na Assembleia. 


Tecnologia do Blogger.