Header Ads

Últimas Notícias
recent

Gerente de posto de combustíveis é preso após fiscalização do MP-Procon na PB


Após uma fiscalização, um gerente e um funcionário de dois postos de combustíveis localizados em João Pessoa foram levados para Delegacia do Consumidor da capital paraibana, nesta terça-feira (7), de acordo com o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério Público da Paraíba (MP-Procon). O gerente permaneceu preso na delegacia.

Nos dois estabelecimentos fiscalizados, segundo o MP-Procon, foram identificados problemas na vazão em bombas de gás natural veicular (GNV), desse modo, o volume entregue ao consumidor era menor do que a quantidade que havia sido paga. Em um posto no bairro do Cristo, três dos quatro bicos de abastecimento do GNV apresentaram irregularidades e foram lacrados pelo Instituto de Metrologia e Qualidade da Paraíba.

O gerente foi preso e autuado em flagrante, por distribuir e revender derivados de petróleo e gás natural em desacordo com as normas estabelecidas na lei. Conforme o delegado Wagner Dorta, o gerente deve passar por audiência de custódia nesta quarta-feira (8).

Já em um estabelecimento no bairro do Geisel, a diferença variou de 4% a 8%, quando o tolerável pela portaria do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) é de 1%, para mais ou para menos. Um funcionário também foi conduzido para a delegacia, mas como não era o responsável por gerenciar o local, foi liberado.
Tecnologia do Blogger.